Milene Gomes

Por em

Conheci a Fernanda quando eu estava retomando o gosto pela escrita. Gosto que tinha deixado lá na infância. Eu me refiro à escrita que carrega sentimentos e emociona o leitor. Através do trabalho dela, aprendi que todos podemos ser escritores. Aprendi também como me expressar por meio da escrita no meio digital, especialidade dela. O formato digital apresenta particularidades. Então a escrita convencional precisa se adequar para que a comunicação seja “efetiva e afetiva”.

Engenheira de Alimentos, professora da Universidade Federal do Agreste Pernambucano – UFAPE

Leia também

top